Notícias - Geral / Publicado em 05/09/2018 às 11:26

Rua Pedro Noll passa a ter estacionamento somente do lado esquerdo da via

Por Simone Ludwig

Rua Pedro Noll passa ter estacionamento somente do lado esquerdo da via
Rua Pedro Noll passa ter estacionamento somente do lado esquerdo da via

Estacionamento nos dois lados de vias estreitas e de sentido único costumam prejudicar o fluxo do trânsito e causar acidentes. Após muitos questionamentos e cobranças, o Poder Executivo sugeriu e a comissão do Plano Diretor de Feliz prontamente aprovou, a implantação de estacionamento somente do lado esquerdo da Rua Pedro Noll (via que passa em frente a Acisfe).

Conforme explica o secretário de Gestão Pública, Gabriel Assmann, a medida foi analisada e veio ao encontro de exigências da própria população. ‘Sempre tivemos muitas cobranças dos munícipes e dos vereadores, para que a situação fosse resolvida, pois no local já houve vários acidentes corriqueiros, como, por exemplo, espelhos retrovisores quebrados’, destaca.

Gabriel revela também, que além das infrações diárias, o que foi de suma importância e que pesou muito na hora de alterar e adotar o estacionamento somente de um lado, foi um laudo apresentado pela Defesa Civil de Feliz. ‘Eles fizeram vários testes nas ruas felizenses e verificou-se que na Rua Pedro Noll não tem como o caminhão dos bombeiros passar, em caso de incêndio. E temos que trabalhar em prol da prevenção. Então, não podemos continuar com falta de acessibilidade para veículos de emergência’, afirma o secretário. 

Veja parte do que diz o laudo da Defesa Civil:

Rua Pedro Noll passa ter estacionamento somente do lado esquerdo da via
Rua Pedro Noll passa ter estacionamento somente do lado esquerdo da via

‘Diante desta responsabilidade que trata o artigo 24, II do CTB, que é competência da Prefeitura Municipal, planejar, projetar, regulamentar e operar o trânsito de veículos a nível municipal, a Defesa Civil Municipal, vem juntamente com os Bombeiros Voluntários de Feliz, comunicar a Prefeitura Municipal de Feliz quanto a dificuldade de acesso dos veículos de Emergência na Rua Pedro Noll.

 Durante levantamento técnico no dia 15 de agosto de 2018, às 11h45, foi identificado a impossibilidade de acesso com o caminhão ABT (Auto Bomba Tanque) dos Bombeiros Voluntários de Feliz na rua Pedro Noll, devido haver no momento do acesso dois veículos de pequeno porte estacionados em lados opostos da via, impossibilitando o acesso do caminhão. Este fato preocupou a Corporação e nos levou a realizar este levantamento, com um só princípio que é a PREVENÇÃO. ‘Em caso de incêndio como vamos fazer, se não temos meios de acesso rápido ao local, se o trabalho de emergência tem como premissa o tempo resposta como um dos principais requisitos para atendimento a ocorrência’ (palavras do comandante Marcos Bianchet).

Também temos que levar em conta que durante a operação de uma possível emergência neste local, precisamos realizar o Sistema de Comando de Incidentes, que são utilizados diversos recursos que dependem da abertura completa dos compartimentos do caminhão, inclusive os acessos de saída das mangueiras de incêndio que necessitam de um ângulo mínimo para a operação, que neste local não temos.’

Vagas de estacionamento

 

Com o aumento dos veículos nas ruas, cada vez mais as vagas de estacionamento se tornam escassas. Sempre pensando em uma maneira de solucionar o problema, sem ocasionar cobranças para a população, a administração municipal tem estudado medidas. ‘Estamos vendo possibilidades de implantar estacionamento oblíquo na Av. Maurício Cardoso, Rua Fernando Ferrari e na Rua João Ruschel. O que vai ajudar a aumentar o número de vagas para estacionamento’, revela Gabriel.

Entre as sugestões, inclusive de muitos munícipes, é o estacionamento rotativo, que é um sistema que impõe algumas regras para o estacionamento de veículos na via pública, alinhados ao meio-fio da calçada. Geralmente, tais regras envolvem o pagamento de um pequeno valor para que o veículo possa ficar estacionado e um limite de tempo. ‘É uma alternativa, mas antes estamos trabalhando para esgotar todas as oportunidades para não cobrar da população’, explica Gabriel.

 

Projeto de Lei

 

Ao encontro dessa demanda, o presidente da Câmara dos Vereadores de Feliz, Junior Freiberger, encaminhou uma indicação, ao Poder Executivo, de um Projeto de Lei que concede incentivos para criação de estacionamentos em terrenos não edificados. ‘É uma sugestão que traz incentivos no sentido de desoneração de IPTU das áreas destinadas como estacionamento gratuito, serviços de hora máquina, fornecimento de brita e meio fio para a execução das obras necessárias para garantir a disponibilização da infraestrutura destes lotes para o uso como estacionamento’, explica. ‘O projeto prevê condicionantes ou contrapartida a ser seguida pelo proprietário do lote, tal como a necessidade de o uso do estacionamento perdurar no mínimo por 3 anos, dando assim condições do município também justificar o investimento realizado no lote’, acrescenta.

Como destaca o vereador, a ideia surgiu devido a grande quantidade de lotes sem edificação que o município possui, somando com a preocupação que se deve ter com o aumento de veículos na cidade. ‘De 2008 para 2018 a população de Feliz cresceu 9%. Em 10 anos passamos de 12.126 para 13.208 habitantes, segundo dados do IBGE. O crescimento de veículos neste mesmo período cresceu 56%, ou seja, em 2008 tínhamos a quantidade de 6.426 veículos emplacados em Feliz. Hoje já alcançamos o número de 10.030 veículos’, aponta Junior.  ‘Fazendo um cálculo per capita pelo número de eleitores chegamos a praticamente 1 veículo para cada 1 eleitor/habitante. Isto mostra que existe uma necessidade urgente de fazer algo, pois existe um pequeno prejuízo no comércio da cidade com este problema de estacionamento, ao mesmo tempo que isto é sinal de uma economia aquecida, de um município pujante, que caminha a passos largos no desenvolvimento, opina.

Notícias

Mais notícias